top of page
  • Foto do escritorFADESP Brasil

Vice Presidente da FADESP-Brasil, Thomas Law, assina compromisso internacional para implementação de

BARCELONA – No encerramento do Smart City Expo World Congress, realizado em Barcelona, Espanha, membros da comitiva brasileira assinaram a “Carta 22@ de Barcelona”. O documento é um compromisso para a utilização de tecnologia aplicada às cidades inteligentes para “um Brasil mais humano, justo e sustentável”.


Estavam presentes no encontro para a assinatura, representando o país, Thomas Law, presidente do Ibrachina, o deputado federal Marcelo Ramos, Beto Marcelino, do iCities, Armando Rovai, da Apecc, Alexandre Gouveia, da LA USA Business Strategy. Eles assumiram o compromisso juntamente com o consultor espanhol Joseph Piqué, um dos maiores especialistas em smart cities da Europa.


Na introdução, a Carta de 22@ Barcelona estabelece “como um chamado ao Brasil a envidar máximos esforços em toda a sua conjuntura institucional para promover a implementação ordenada de cidades inteligentes, em seu conceito mais amplo de cidadania, em sintonia com o movimento global”.


Também diz que “o conceito de smart cities, além de soluções tecnológicas e inovadoras, agrega a gestão eficiente e regular dos serviços públicos, a partir do melhor uso de ferramentas já disponíveis e vindouras (…) A implementação e desenvolvimento de cidades inteligentes tem alto potencial para a transformação socioeconômica do Brasil, mediante ampla participação cidadã na concepção e governança, com efetiva cooperação entre a sociedade, o setor privado e o Poder Público”.


O empreendedor Thomas Law, fundador do hub de inovação Ibra Work, de São Paulo, destaca que “as cidades inteligentes apontam o caminho para o futuro da humanidade. Acreditamos que a inovação e a tecnologia podem nos ajudar a resolver muitos problemas antigos e apontar para um futuro melhor para todos”.


Josep Piqué, presidente do La Salle Technova Innovation Park em Barcelona e da Rede Catalã de Parques Científicos (XPCAT), defende que a articulação das universidades, governo e indústria é um dos eixos críticos para o desenvolvimento de ecossistemas de inovação. Ele é um dos principais responsáveis pelo responsável pelo distrito 22@, em Barcelona, que revitalizou e modernizou uma área de 200 hectares na cidade.


Em 2021, ano a comitiva brasileira foi a maior a já ter participado do evento, reunindo 60 participantes. Entre os integrantes estão o Superintendente de Inovação do Paraná, Marcelo Rangel; Eduardo Castanheira Garrido, Presidente do Parque Tecnológico de Itaipu; prefeitos da Foz do Rio Itajaí Açu, em Santa Catarina; vereadores de Curitiba como Pier Petruziello, e Professor Euler; além do vice-prefeito de Curitiba, Eduardo Pimentel e Cris Alessi, presidente da Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação, entre outros líderes.


O Smart City Expo World Congress, maior feira de cidades inteligentes do mundo, encerrou nesta quinta-feira (18). O evento reuniu representantes de mais de 400 cidades de todo o mundo, apresentando produtos e serviços voltados para as smart cities e serve como um dos balizadores mundiais para as tendências nesse segmento. Além de mais de 400 expositores, a programação incluiu 350 palestras e 81 eventos e reuniões acontecendo paralelamente ao palco central.

0 visualização

Posts recentes

Ver tudo

Комментарии

Оценка: 0 из 5 звезд.
Еще нет оценок

Добавить рейтинг
bottom of page